Esse comportamento precisa ser urgentemente banido no Brasil, no mundo e dentro de qualquer partido”, 

DEPUTADO PAULISTA PISOU NA BOLAAO DISCRIMINAR AS MULHERES UCRANIANA, AS  REDES SOCIAIS VIRALIZAM ESSA ATITUDE DO PARLAMENTAR

DEP.ARTUR DO VAL DISCRIMINA AS UCRANIANA

O Brasil inteiro está repugnando a atitude de um deputado estadual de São Paulo, o áudio misógino vazado do deputado estadual de São Paulo, Arthur do Val (insólito deputado do Podemos). Suas palavras, suas colocações sobre as mulheres da UCRANIA gerou um descontentamento dos maiores abaixo o que disse ele
“São inaceitáveis e repugnantes as declarações do deputado estadual Arthur do Val. Total desrespeito às mulheres, num momento em que o povo da Ucrânia vive os horrores da guerra. Esse comportamento precisa ser urgentemente banido no Brasil, no mundo e dentro de qualquer partido”, 

AS SUAS DECLARAÇÕES ABAIXO
Arthur do Val afirmou que as mulheres ucranianas são “fáceis” por serem pobres.

MULHERES DA UCRANIA

São inaceitáveis e repugnantes as declarações do deputado estadual Arthur do Val. Total desrespeito às mulheres, num momento em que o povo da Ucrânia vive os horrores da guerra. Esse comportamento precisa ser urgentemente banido no Brasil, no mundo e dentro de qualquer partido

 

QUEM É ARTUR DO VAL
Natural de São Paulo, Arthur Moledo do Val, nasceu no dia 21/08/1986. Estudou Engenharia Química na Escola de Engenharia Mauá e se tornou empresário nos ramos de reciclagem de resíduos metálicos, transportes, combustíveis, construção civil e estacionamento.
Indignado com a realidade brasileira hostil a inovação e exploração do seu potencial criou um canal no YouTube com vídeos propositivos, explicativos e de enfrentamento em campo daqueles que pensam completamente diferente. Este viria a ser o maior canal de política do Brasil, ganhador de diversos prêmios do universo digital.
Hoje, com mais de 2.5 milhões de inscritos em seu canal, Arthur foi eleito o segundo deputado estadual mais votado da 19 ᵅ Legislatura com 478.280 votos. Seu objetivo é transmitir os princípios liberais e a defesa dos interesses dos indivíduos a mercê do agigantamento do estado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *